MENU

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Dilma amplia a vantagem sobre Aécio, segundo Ibope e Datafolha

Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (23) na corrida para a Presidência da República mostra Dilma Rousseff (PT) com 54% dos votos  válidos. Aécio Neves (PSDB) aparece com 46%. A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal "O Estado de S. Paulo".
Se forem incluídos os votos brancos e nulos e dos eleitores que se declaram indecisos, os votos totais da pesquisa estimulada são:
- Dilma Rousseff: 49%
- Aécio Neves: 41%
- Branco/nulo: 7%
- Não sabe/não respondeu: 3%
No levantamento anterior, divulgado no dia 15, Aécio tinha 51% e Dilma, 49%.
O Ibope ouviu 3.010 eleitores em 203 municípios entre os dias 20 e 22 de outubro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-01168/2014.
Datafolha dá Dilma com seis pontos de vantagem
Já a pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (23) mostra Dilma com 53% e Aécio Neves, com 47% A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal "Folha de S. Paulo".
A presidente tem uma vantagem inédita sobre Aécio Neves (PSDB) no segundo turno da eleição presidencial, que mostra a trajetória ascendente da candidata.
No levantamento anterior, divulgado no dia 22, Dilma tinha 52%, e Aécio, 48% dos votos válidos.
Votos totais
Se forem incluídos os votos brancos e nulos e dos eleitores que se declaram indecisos, os votos totais da pesquisa estimulada são:
- Dilma Rousseff: 48%
- Aécio Neves: 42%
- Em branco/nulo/nenhum: 5%
- Não sabe: 5%
O Datafolha ouviu 9.910 eleitores em 399 municípios nos dia 22 e 23 de outubro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-01162/2014.

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Dilma lidera, segundo Datafolha, corrida ao Palácio do Planalto

Datafolha: Dilma tem 52% dos votos válidos e Aécio, 48%

Pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira (20) para a corrida presidencial mostra que a candidata à reeleição, Dilma Rousseff (PMDB), ultrapassou numericamente Aécio Neves (PSDB) nesta reta final de campanha. Dilma tem 52% dos votos válidos e Aécio, 48%. No levantamento anterior, realizado entre os dias 14 e 15, Aécio tinha 51% e Dilma, 49%, o que mostra a escalada ascendente da petista e a tendência descendente do tucano.
Votos totais
Se forem incluídos os votos brancos e nulos e dos eleitores que se declaram indecisos, os votos totais da pesquisa estimulada são:
- Dilma Rousseff - 46%
- Aécio Neves - 43%
- Brancos e nulos: 5%
- Indecisos: 6%
O Datafolha ouviu 4.389 eleitores nesta segunda-feira. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-01140/2014.
≤≥ blog RPI

Mais dois envolvidos no caso do roubo ao "Boteco do Fabão" são presos pela PM

IMG-20141019-WA0005IMG-20141019-WA0010IMG-20141020-WA0000
Na noite do sábado (18) a Polícia Militar recebeu uma ligação de um homem que queria devolver duas armas, pois estava com medo de se ver envolvido num roubo que aconteceu dia 13/10 ao dono bar do “Fabão”. O serviço reservado da PM montou uma campana próximo a residência, pois suspeitava os donos das armas iriam tentar reaver as armas. E lograram êxito naquela noite. Além de dois revólveres apreendidos, foram pelo GTO dois suspeitos, Tiago Ribeiro dos Santos e Lucenilson Diniz Pereira, de participação naquele roubo e de estarem se preparando para novos crimes. Segundo o dono da residência onde as armas estavam escondidas, as armas teriam sido escondidas na casa por sua empregada que teria um caso amoroso com o principal envolvido no roubo, Valmir, conhecido por branco. Os dois foram apresentados na 19ª Seccional e o delegado José Dias Bezerra deverá pedir a prisão preventiva dos acusados, por já estarem fora do flagrante.
≤≥ blog RPI/Rota Policial de Itaituba

CNT/MDA: Dilma tem 45,5% e Aécio, 44,5%

Jornal do Brasil
Pesquisa CNT/MDA de intenções de voto na eleição para a Presidência da República, divulgada nesta segunda-feira (20), mostra a candidata Dilma Rousseff (PT) com 45,5%, enquanto o candidato do PSDB, Aécio Neves, soma 44,5% no levantamento estimulado. Branco/nulo soma 5,7% e não sabem, 4,3%. Com margem de erro de 2,2 pontos percentuais, adversários estão em empate técnico.
De acordo com o levantamento, Dilma tem 50,5% dos votos válidos, contra 49,5% de Aécio. A pesquisa foi realizada nos dias 18 e 19 de outubro, e ouviu 2.002 pessoas, em 137 municípios de cinco regiões de país. A pesquisa foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número BR - 01139/2014.
Na pesquisa de votos espontâneos, Dilma aparece com 43,8%, Aécio com 42,1%, branco/nulos, 6,1%, e não sabem, 8%
≤≥ blog RPI 

domingo, 19 de outubro de 2014

Ibope, votos válidos: Dilma tem 56% e Aécio, 44%, no Pará

Do G1 PA

Pesquisa Ibope divulgada sábado (18) aponta os seguintes percentuais de votos válidos na corrida presidencial apenas com eleitores do Pará:
- Dilma Rousseff (PT) - 56%
- Aécio Neves (PSDB) - 44%
A pesquisa foi encomendada pela TV Liberal.
Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.

O Ibope ouviu 812 eleitores em 43 municípios do estado de 14 a 16 de outubro. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de três pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Pará sob registro PA-00052/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral sob protocolo no BR-001121/2014.

Ibope aponta vitória de Helder ao governo do Pará

Ibope, votos válidos: Helder tem 52% e Jatene, 48% no PA

Do G1 PA
 
Pesquisa Ibope divulgada ontem, 18/10, aponta os seguintes percentuais de votos válidos na corrida para o governo do Pará:
- Helder Barbalho (PMDB): 52%
- Simão Jatene (PSDB): 48%
Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.
A pesquisa foi encomendada pela TV Liberal.
É o primeiro levantamento divulgado pelo instituto no segundo turno da eleição para governador do PA.  Segundo o Ibope, os candidatos estão empatados tecnicamente dentro da margem de erro, de três pontos.
Votos totais Se forem incluídos os votos brancos e nulos e dos eleitores que se declaram indecisos, os votos totais da pesquisa estimulada são:
- Helder Barbalho (PMDB): 48%
- Simão Jatene (PSDB): 45%
- Branco/nulo: 3%
- Não sabe/não respondeu: 4%
O Ibope ouviu 812 eleitores em 43 municípios do estado de 14 a 16 de outubro. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de três pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Pará sob registro PA-00052/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral sob protocolo no BR-01121/2014.
Rejeição O Ibope perguntou em qual candidato o eleitor não votaria de jeito nenhum. Veja os números:
Simão Jatene - 40%
Helder Barbalho - 37%
Poderia votar em ambos - 16%
Não sabe/não respondeu - 8%
Expectativa de vitória
O Ibope também perguntou aos entrevistados quem eles acham que será o próximo governador, independentemente da intenção de voto. Para 52%, Helder Barbalho sairá vitorioso; 38% acreditam que Simão Jatene ganhará; 10% não sabem ou não responderam.
1º turno
No primeiro turno, Helder teve 49,88% dos votos válidos e Jatene, 48,48%

sábado, 18 de outubro de 2014

Dilma tem apoio da maioria dos governadores, 16, Aecio tem 10

Dois dos 28 candidatos a governador que estão no 2º turno se dizem neutros

Por: O Globo
 
Desde a confirmação dos nomes de Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB) como adversários no segundo turno das eleições presidenciais, declararam apoio à petista 16 dos 28 candidatos aos governos de estados onde haverá segundo turno; dez manifestaram apoio ao tucano e dois se declararam neutros.
Ao todo, 13 estados e o Distrito Federal terão eleições para governador no próximo dia 26, mesma data em que a população escolherá o presidente do país.
Em quatro estados (Amapá, Ceará, Rio de Janeiro e Rio Grande do Norte), Dilma conta com o apoio dos dois candidatos que disputam o segundo turno. No Distrito Federal, Aécio  é apoiado pelos dois rivais.
No Rio de Janeiro, um dos principais colégios eleitorais do país, Dilma recebe o apoio do atual governador e candidato à reeleição, Luiz Fernando Pezão (PMDB), e do seu adversário, Marcelo Crivella (PRB).
No Amapá, os candidatos Waldez (PDT) e Camilo Capiberibe (PSB) declararam apoio à petista. Nacionalmente, o PSB, de Capiberibe, declarou apoio a candidatura de Aécio Neves na última semana.
O tucano não tem palanque no Ceará, onde Camilo Santana (PT) e Eunício Oliveira (PMDB) manifestaram apoio à candidatura de Dilma; e no Rio Grande do Norte, estado em que concorrem ao governo o presidente da Câmara dos Deputados, deputado Henrique Eduardo Alves, e Robson Faria (PSD).
Aécio também fica sem palanque no Amazonas, onde Eduardo Braga (PMDB) é aliado de Dilma e José Mello (PROS) ficou neutro.
No Distrito Federal, é Dilma quem não tem apoio de nenhum dos candidatos ao governo distrital. Os adversários Rodrigo Rollemberg (PSB) e Jofran Frejat (PR) manifestaram estão com Aécio Neves no segundo turno. Ela também não tem apoio em Roraima, onde Chico Rodrigues (PSB) ficou ao lado de Aécio e Suely Campos (PP) ficou neutra.
Dos 28 candidatos aos governos estaduais, somente José Mello (PROS), que concorre ao governo de Amazonas contra Eduardo Braga (PMDB), e Suely Campos (PP), que rivaliza com Chico Rodrigues (PSB) em Roraima, não manifestaram apoio público a nenhum dos presidenciáveis.
Em todos os outros sete estados onde há disputa para o governo local, um candidato apoia Dilma e o outro, Aécio. Isso acontece nos estados do Acre, Goiás, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Rondônia e Rio Grande do Sul.
No Rio Grande do Sul, o candidado do PMDB, Ivo Sartori, manifestou voto em Aécio Neves, embora isso contrarie a posição nacional da legenda, que faz integra a coligação de Dilma. No primeiro turno, Sartori apoiou a candidata do PSB, Marina Silva. O adversário do candidato do PMDB, o governador Tarso Genro (PT), apoia Dilma Rousseff.
Confira os apoios dos candidatos a governador dos estados onde haverá segundo turno:
Dilma Rousseff
Tião Viana (PT-AC);
Eduardo Braga (PMDB-AM)
Waldez (PDT-AP)
Camilo Capiberibe (PSB-AP)
Camilo Santana (PT-CE)
Eunício Oliveira (PMDB-CE)
Iris Rezende (PMDB-GO)
Delcídio do Amaral (PT-MS)
Helder Barbalho (PMDB-PA)
Ricardo Coutinho (PSB-PB)
Luiz Fernando Pezão (PMDB-RJ)
Marcelo Crivella (PRB-RJ)
Henrique Alves (PMDB-RN)
Robson Faria (PSD-RN)
Confúcio Moura (PMDB-RO)
Tarso Genro (PT-RS)
Aécio Neves
Márcio Bittar (PSDB-AC)
Rodrigo Rollemberg (PSB-DF)
Jofran Frejat (PR-DF)
Marconi Perillo (PSDB-GO)
Reinaldo Azambuja (PSDB-MS)
Simão Jatene (PSDB-PA)
Cássio Cunha Lima (PSDB-PB)
Expedito Jr. (PSDB-RO)
Chico Rodrigues (PSB-RR)
Ivo Sartori (PMDB-RS)
Neutros
José Mello (PROS-AM)
Suely Campos (PP-RR)
(ORNNews)

Policiais de Crepurizinho prendem mais uma mulher envolvida em tráfico de droga

PM combate o tráfico na área garimpeira de Crepurizinho-Itaituba-PA e a loira do peixe foi mais uma a ser presa na região. 

No início da noite de ontem, 17/10, por volta das 19h30, a guarnição que faz a segurança da região do garimpo de Crepurizinho prendeu em flagrante a senhora Isolete de Castro Sousa, 34 anos de idade, com 42 "petecas" de substância que se presume ser entorpecente e a importância de R$ 300,00, que seria produto da venda da substancia. A acusada estava usando, para facilitar a venda ilícita, de um comercio de peixe, mas a PM já vinha fazendo o acompanhamento da acusada, que ontem chegou do município de Novo Progresso, de onde estaria trazendo o produto para a revenda. A prisão foi feita pelo sargento Bastos, comandante do Policiamento na área, sargento Cione, cabo Leal, soldados Rabelo, Laudenir e Siqueira. Na manhã de hoje foi feita a apresentação na 19ª Seccional de Itaituba, onde foi feito o flagrante.
 
≤≥ blog RPI 
 

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Homem é preso pela Polícia Militar suspeito de envolvimento em assaltos em Itaituba

Rubenilson Vieira da Silva foi preso pela guarnição dos cabos Almeida e Garcia, quando ele tentou fugir ao avistar a viatura. Depois de acompanhar o nacional Rubens, como é conhecido, que tentava fugir, por algumas ruas, ele bateu sua moto contra um veículo e acabou sendo abordado pelos policiais que na revista pessoal descobriu que ele estava portando um revolver. O suspeito foi apresentado 19ª Seccional por porte ilegal de arma de fogo, mas segundo os policiais ele é´suspeito de estar praticando assaltos na cidade com a arma apreendida, inclusive uma vítima o teria reconhecido.
 

                  revolver Cal. 38                                          Cabos Garcia, Almeida e sgt Jair
≤≥ blog RPI

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Homem tenta matar a ex mulher, filha um sargento em Itaituba

No dia de ontem compareceu à 19 Seccional de Itaituba o nacional Mizael Bernadino de Souza, de 27 anos de idade.  Ele é acusado de ter no dia 13/10, por volta das 03h00, tentando matar a senhora Patrícia Gomes de Lima, que é filha de um sargento da Polícia Militar, que serve no 15º BPM. Segundo relato de testemunhas, o acusado, ex companheiro da vítima, a seguiu desde o parque de exposições em uma caminhonete Hilux e já na 29ª rua conseguiu acompanhar a jovem que seguia numa moto Bros com um amigo e simplesmente tentou  passar por cima do casal
na tentativa de mata-lo. Segundo relatos, ele, ao perceber
que não tinha realizado seu intento tentou passar novamente por cima da jovem, sendo impedido por um outro veiculo que atravessou na frente. A família chocada com o fato e preocupada com a impunidade pede providências. E reclama que o acusado que trabalha para um empresário influente na cidade pode conseguir sair impune desse caso e ainda continuar a colocar em risco a vida dessa mulher e familiares.